Vereador de Doverlândia é investigado por enviar fotos íntimas dele com a amante para servidora “avaliar”

A Polícia Civil investiga o vereador Valdeir Alves de Sousa do Republicanos de Doverlândia, também conhecido com Deirim, por enviar fotos e vídeos íntimos, também chamado de ‘nudes’ a uma servidora.

Segundo o delegado que conduz a investigação, o vereador enviou para a servidora conversas que ele teve com outra mulher para que ela analisasse o conteúdo e desse uma opinião sobre a relação dele com a esposa, já que Valdeir é casado.

Quando a servidora recebeu as conversas, notou que eram fotos e vídeos de nudez e pediu para que ele não enviasse mais esses arquivos porque ela também era casada. O pedido da servidora foi ignorado pelo vereador que enviou novos conteúdos.

A vítima, então, denunciou o caso à Polícia e à Câmara de Vereadores e agora o parlamentar é investigado por assédio sexual.

Continue Conectado