Anápolis e Porangatu estão entre as 10 cidades mais ágeis para abertura de empresas no Brasil

Os municípios de Anápolis e Porangatu aparecem na lista das 10 cidades mais ágeis para a abertura de novos negócios ao final do terceiro quadrimestre de 2023. Os dados foram divulgados pelo governo federal, por meio da Secretaria de Microempresa e Empresa de Pequeno Porte e Diretoria Nacional de Registro Empresarial e Integração, ligadas ao Ministério do Empreendedorismo, da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte.

Anápolis está em primeiro lugar da lista, com empresas abertas em 17 minutos. Porangatu, cidade que fica na região norte do estado, aparece em 7º lugar, com o tempo de 2 horas e 35 minutos. O levantamento possui indicadores relativos ao quantitativo de empresas registradas no país e ao tempo médio necessário para abertura de empresas.

O tempo médio registrado ao final do terceiro quadrimestre de 2023 para abertura de empresas no Brasil é de 1 dia e 3 horas, o que representa uma queda de 2 horas (6,9%) em relação ao quadrimestre anterior, de acordo com os dados.

O presidente da Junta Comercial de Goiás (Juceg), Euclides Barbo Siqueira, destaca que a posição de Porangatu é um reflexo da desburocratização para abertura de empresas implantada no município. A cidade é a primeira em Goiás a integrar 100% dos serviços referentes à abertura de empresas na RedeSim 2.0.

Além disso, o Mapa das Empresas aponta Goiás como o 5º  Estado com o maior crescimento percentual no número de empresas abertas em 2023, 155.560, uma variação positiva de 3,5% em relação ao ano de 2022.

Continue Conectado